3.6.08

Manhã no Vidigal

Crescem entre o oceano e a montanha...
Vielas, crianças.
Casebres, telhados, zinco, amianto.
Caixas, d'água, papelão.
Latões.
Latinhas e seus catadores.
Lajes, pipas, rabiolas...
Bolas...
Teatro, dança, música e canto.
Garotos sem dentes
Sorrisos, olhares de inquisição.
Meninas, bonecas, casinhas.
Varandas para o mar, sonhos de futuro.
Ar povoado pelo cantar dos pássaros e estampidos secos.
Brisa do mar e sombra da pedra.
Uma oprime, outra, liberta...

E as motos zanzam sem parar...



Postar um comentário