9.6.08

Cultura e SBT colocam feras no horário nobre...

Mais uma segunda-feira movimentada na TV: Cultura ataca com Witte Fibe enquanto SBT desenterra "Pantanal" para voltar a brigar pela vice-liderança...

Quem tem mais de 20 anos deve lembrar dos anúncios do SBT, que assinava vez por outra como TVS, dizendo-se "vice-líder desde pequenininho". Foi-se o tempo, meus caros! Agora, medalha de bronze no pescoço, o canal do patrão quer badalar um pouco o seu horário nobre, combalido com o milagroso - sem trocadilho, ok? - crescimento da Rede Record. A estratégia adotada hoje foi clara: espichar o "SBT Brasil" até que o capítulo da global "A Favorita" terminasse. Logo depois do episódio da novela da líder de audiência, coube a Carlos Nascimento dar boa noite aos seus telespectadores. E aí, sem vinhetas ou similares, Cláudio Marzo surgiu na tela, conversando com um menino-ator que, hoje, deve estar concluindo a faculdade. No canto esquerdo do vídeo, um logotipo confirmava: "Pantanal" estava no ar novamente, cerca de 18 anos depois de sua estréia.
Na Cultura, Lilian Witte Fibe - sempre precisa - começou o "Roda Viva" com uma pergunta definida como quase ingênua. O entrevistado era o ministro Carlos Minc, do Meio Ambiente, o que já demonstra uma clara tentativa de esquentar a pauta do programa. Ponto para a Cultura, que parece querer confirmar o prestígio de uma de suas mais importantes atrações.
Já o SBT, que definitivamente não vive de prestígio, tem de se preocupar com a audiência. É ela quem vai dizer se a ressurreição de Juma Marruá, Velho do Rio & cia foi ou não um bom negócio para o ex-vice-líder-desde-pequenininho. Até porque os direitos da novela foram adquiridos, recentemente, pelo plim-plim. E essa novela pode acabar tendo alguns capítulos - mais emocionantes, talvez - nos tribunais. Se bem que, cá entre nós...se "Pantanal" roubar uns pontinhos da Record, o negócio pode até ser bom pra Globo, né não?
Enfim, fato é que há tempos a TV brasileira não vivia tamanha agitação no mês de junho. Não faz muito tempo que as grandes novidades eram lançadas em março ou abril. Agora os tempos são outros. E ganha o telespectador, com mais opções na telinha...
Só sei que no duelo dessa segunda, sou muito mais a fera Lilian Witte Fibe, que já estava há muito tempo longe da televisão. E competência nunca é demais! Ainda mais em tempos de vacas magras...
Postar um comentário