2.3.09

Dicas para ouvir e ler...

Esse post poderia fazer parte de uma série nova, algo como "antes tarde do que nunca". Mas o que importa é que, enfim, chegou a hora de falar de um belíssimo Cd e de um ótimo livro. Mas vamos por partes...
Quando Clara Nunes morreu, eu tinha menos de três anos. E nos vinte e cinco seguintes, ouvi e vi pouquíssima coisa dela, embora tenha em minha memória canções como Conto de Areia, O mar serenou e Morena de Angola. Semana passada, depois de gravar uma entrevista numa megastore, dei uma fuçada na prateleira de discos e encontrei um duplo dedicado à obra dessa grande cantora. Clara Nunes Guerreira é um discaço! Pra fãs novos - como eu - e também para os de longa data! Cheio de sambas de primeiríssima categoria, esse é, de cara, um dos melhores discos da minha coleção. A remasterização foi primorosa e o resultado deixa a impressão de que Clara gravou nos mais modernos estúdios da atualidade. A edição só não é mais perfeita porque não traz o encarte com as letras das músicas.
Aliás, vale o registro: Clara Nunes foi a primeira cantora brasileira a superar a marca de 100.000 discos vendidos, quebrando a primasia dos homens na indústria fonográfica brazuca. Não é à toa que ela ficou conhecida como guerreira...
A outra dica é literária: dei um tempo na biografia rame-rame do Paulo Coelho - na verdade, deixei essa leitura em segundo plano - e estou me deliciando com o 1808, de Laurentino Gomes. Sim, é outra descoberta tardia, uma vez que a obra foi lançada no embalo das comemorações do bicentenário da vinda da Família Real pra essa terrinha, celebrado no ano passado. Mas o que vale é que descobri o livro e a leitura é gostosa demais! Laurentino, cascudo jornalista que, com a obra, ganhou status de pesquisador, traz novos fatos sobre a conturbada fuga da corte portuguesa para a então colônia e, de quebra, mostra empenho em escrever numa linguagem atual e sedutora - tudo que falta à academia. Em suma: 1808 é um prato cheio para os amantes de bons livros e da História do Brasil - como eu!
É isso! Se possível, curtam as dicas! E contem o que vocês estão lendo e ouvindo, ok? Bora fazer a informação circular...
Postar um comentário