23.12.09

Natal, tradições, álcool e perus alcoolizados...

Diz a lenda que, antigamente, os nossos antepassados davam aquele porre na ave para, depois que ela estivesse na melhor vibe Winehouse, passar o facão e garantir o assado da ceia. Hoje, vocês sabem, esse procedimento deveras rudimentar não se faz mais necessário. Até porque, muita gente já come peru bêbado durante o ano todo, antes, durante e depois das nights e baladas da vida. Outro motivo que explica a abstinência do peru na noite de Natal é o crescimento da preferência por aquela ave grandona, que ninguém nunca viu ciscando por aí, e cuja procedência permanece mais misteriosa que a fórmula da Coca-Cola.
Enfim, estou a divagar. Fato é que essa foto abaixo me fez pensar nas tradições natalinas...
Passando pela Cidade de Deus hoje cedo, fiz esse flagra. Festão, hein? Dizem lá na comunidade que Papai Noel até já preparou um trenó com renas à prova de bafômetro, pra não dar mole pro povo da Lei Seca! E pela observação em vermelho no rodapé da faixa, dá pra sacar que, em vez de brinquedos, o Bom Velhinho virá esse ano com um saco etílico. Se vier sacolejando pelo caminho, as batidinhas tão garantidas pro povo da CDD nesse Natal...
Postar um comentário