26.10.07

"O casamento do meu melhor amigo"



Pode quem quiser achar piegas, podem dizer que a Julia Roberts está longe de ser uma grande atriz ou mesmo "uma linda mulher" de verdade. Mas essa cena faz parte da antologia cinematográfica do blogueiro aqui. Delicada, sensível e com uma metáfora muitíssimo bem sacada pelo diretor P.J. Hogan na hora de levar pra tela a idéia da perecibilidade dos momentos que a gente tem ao lado da pessoa amada.
E, diga lá, quem nunca teve a sensação de que perdeu o momento exato de dizer a coisa certa?
Postar um comentário