4.5.07

Pro meu amigo virtual...

Uma vez li em algum lugar que as pessoas do bem se reconhecem de alguma forma misteriosa. Sentem a energia uma da outra e, de forma quase inexplicável, tendem a se aproximar. Acho que isso deve ter acontecido com a gente...
Olho pra tela e vejo um rapaz sorrindo sobre um camelo. É um sorriso ainda desconhecido, mas que soa muito familiar. É o mesmo sorriso que, por dois meses, minhas bobagens escritas na tela do messenger devem ter despertado.
Tão inusitada quanto a foto - legítima, sem photoshop ou algo que o valha - em cima do camelo - legítimo, made in Cairo - é essa amizade que surgiu num meio tão frio quanto a internet. Barreira logo superada por dois caras bem humorados e com muitos gostos parecidos - o maior deles por uma certa cantora baiana...
Aliás...outra baiana é o grande ponto de discórdia nas conversas que - ainda hoje - varam algumas horas da madrugada. O cara persegue a pobre da Sangalo demais! Mas tudo bem, ninguém é mesmo perfeito...
Diogo, meu amigo - o cara sobre o camelo egípcio - aproveito esse texto pra lhe desejar feliz aniversário! Não importa se são 86, 37 ou 26! O que importa é que não lhe faltem saúde, alegrias e realizações. E tudo o mais que a vida tiver de bom pra lhe oferecer!
Postar um comentário