2.5.07

Ainda sobre Jô e Crivella...

Depois de um dia movimentado, chego em casa e me surpreendo ao notar que o post sobre a "entrevista" do senador Marcelo Crivella ao "Programa do Jô" rendeu um aumento de 4.900% no número de acessos ao B@belturbo. Desse total, mais de 90% dos leitores nunca haviam passado por aqui antes. Desde já, agradeço pela visita e faço o convite para que voltem sempre!
Alguns dos novos visitantes deixaram recados. A análise que fiz do papo entre Crivella e Jô Soares foi confirmada por quase todos. Bom, então vamos aos comments dos comments...
Rodrigo Bahiense, cristão, critica a postura adotada por igrejas como a IURD, representada pelo senador Crivella. O leitor também aponta os "fundamentos perdidos" do senador-bispo. Além disso, também condena a postura de Jô Soares durante a conversa. Segundo o Rodrigo, Jô se mostrou "altamente preconceituoso sobre aspectos da fé". A análise do leitor vai em frente e ele concorda com Crivella num ponto. Para ele(s) "a homossexualidade não é de forma alguma natural".
Rodrigo, eu não tenho religião alguma. Mas, cá do meu ponto de vista, acho muito pequeno que as ações, o caráter e a existência de uma pessoa (ou de um conjunto delas) sejam julgados pela sociedade em razão de uma orientação sexual. Isso, de verdade, é que eu não acho natural...! Como também não acho natural, por exemplo, qualquer forma de discrimação religiosa, ou de qualquer outro tipo. Anormal é ter e alimentar preconceitos, não é?
Carlos Solano - este um já fiel leitor - ressalta o aparente despreparo do convidado durante o programa. E ainda aproveita para elogiar o texto...valeu, Carlos!
Marcos Filho, autor de outro comentário, diz: "Nessa entrevista, (Jô) deu um banho no 'santinho' do bispo". E ainda aproveita para puxar as orelhas do blogueiro aqui: "Meu caro: extenda, do verbo estender é com "s", lembra. Claro, Marcos! Desculpe a minha falha, ok? Escrevi com pressa de postar logo que a entrevista acabou e não vi o erro gritando em minha tela...o reparo já foi feito! Valeu pelo toque, ok?
Brigadeirão, minha amiga, reitera: "Jô brilhou". E ainda me pede para deixá-la vir aqui mais vezes! Não precisa pedir, moça! A casa é toda sua!!!
No mais, obrigado a todos os visitantes. Gente de Madri, Boa Vista, Seringal Setenta, Belém, João Pessoa, Campina Grande, Maceió, Salvador, Galiléia, Goianira, Várzea Grande, Pedra Azul, Brasília, Campo Grande, Franca, Viçosa, Rio, Niterói, Hortolândia, Londrina, Bugio, Floripa, Campinas, Guarujá, Sampa, Guaíba, Lambedor e Buenos Aires... espero revê-los em breve!
Postar um comentário