15.9.08

Triste cena carioca...

No caminho pra TV, cruzando a cidade partida, vi um comboio de urutus passar por mim. Pra quem não sabe, os urutus são aqueles veículos blindadões do exército. Pra quem também não sabe, o exército foi convocado para garantir a segurança de eleitores de comunidades da periferia do Rio, pressionados por 'forças ocultas' empenhadas em fazer voltar a época do famigerado 'voto de cabresto'.
Em cima dos carros, homens do exército empunhavam armas e, enquanto via a cena, bateu uma tristeza danada. Desculpa, mas não posso encarar como algo natural ver aqueles veículos de guerra ali, passando no meio de carros e ônibus, jogando na minha cara em plena manhã de segunda-feira o quão fomos - e temos sido - incompetentes em assegurar direitos básicos para os filhos dessa terra.
Sou de uma época em que a gente já achava demais que o exército fosse convocado para assegurar a paz em comunidades dominadas pelo tráfico. Ou ainda: para garantir a segurança de chefes de Estado em grandes eventos internacionais, como a Eco-92. Agora, ver o exército convocado para garantir que eleitores exerçam o direto ao voto com tranqüilidade, minha gente, pra mim é o fim dos tempos!!!
E não se indignar diante disso é o primeiro passo pra tornar essa realidade dura natural. E aceitável.
Eu não aceito!
Postar um comentário