17.2.10

O melhor e o pior do carnaval 2010...

E chega ao fim o carnaval de 2010. Foi mais divertido do que eu esperava e menos do que eu gostaria que tivesse sido. Afinal, folião que é folião sempre espera mais dos dias de reinado de Momo...
Mas o saldo é pra lá de positivo! O Rio, confirmando a tendência de crescimento do carnaval de rua, deu uma gigantesca demonstração de que é possível haver uma festa gigantesca, popular e gratuita. Milhões de foliões nas ruas, colorindo a Cidade Maravilhosa com suas fantasias inusitadas, sua alegria genuína e a mais pura vontade de ser feliz. Foi bonito de ver e de viver!
Agora, caríssimos, nem só boas lembranças deixará o carnaval que agora jaz coberto de cinzas. Os banheiros químicos insuficientes, sujos, transbordando mijo por todos os lados, revelaram a ineficiência em avançar no propósito de educar o povo a não fazer das ruas a extensão da privada de casa. E, cá entre nós, havia pouquíssimos banheiros pela cidade - o que não justifica a atitude dos mijões, mas ajuda a explicá-la.
Na Sapucaí, uma das mais bizarras imagens - ao menos na minha modesta opinião - foi essa:

A águia high tech que abriu o desfile da Portela tava muito feia. Tudo bem que o enredo falava de tecnologia, de inclusão digital, mas...parecia um daqueles robôs do Transformers. É um daqueles claros exemplos de viagem ao fantástico mundo dos...carnavalescos!
Mas creio que, disparado, o pior legado do carnaval 2010 vem de Salvador. Ecoando por todos os cantos, grudando na cabeça que nem chiclete, o tal do Rebolation (tion tion) é de lascar! Pra ser só ruim precisaria melhorar muito! Sem contar que nem original a praga da música é! Reparem bem: a voz do cantor é a mesma do marido da Carla Perez.
Enfim, o RebolationItálico (tion tion) explodiu. Aposto que vai invadir os programas dominicais nesse pós-carnaval e que, infelizmente, ainda ouviremos falar muito de mais essa pérola da MPB. Infelizmente...

E pra você? Qual o melhor e o pior do carnaval?
Comentaê!!!

Postar um comentário