4.10.08

Da série: "a pergunta que não quer calar..." 25

Ontem foi tudo muito corrido na TV e não deu pra passar aqui e comentar a notícia mais curiosa do dia: a história do menino de sete anos que invadiu um zoológico na Austrália, matou vários animais e encheu o bucho do crocodilo. Em 35 minutos, o menino entrou e promoveu a pet-chacina no centro de répteis da cidade australiana de Alice Springs.
Para Terry, o crocodilo, o menino reservou alguns agrados: jogava bichinhos para o réptil - de uns três metros - degustar.
Entre as vítimas fatais estão quatros lagartos de língua azul, dois dragões-barbudos, dois diabos-espinhosos e um iguana de 20 anos.
A história é bizarra e é óbvio que esse menino deve ter algum problema psíquico. Mas, não podemos negar, há um quê de comédia nisso. Principalmente se considerarmos que um garotinho de sete anos fez essa revolução diante das câmeras - que gravaram tudo - sem que nada pudesse ser feito para impedir o reptcídio - será que existe essa palavra???
Agora, diante desse fato inusitado, a pergunta que não quer calar é:
De onde vem tanta maldade no coração dessa criança? Meu amigo - e leitor assíduo - Paulo Newton, diz que o menino deve ser filho da Flora, da novela das oito. Ou, pior: que ele nasceu no Edifício Dakota, em New Yor City - sim, caríssimos, deve se tratar do próprio bebê de Rosemary.
Pra mim, o garoto é o filho do Chucky em carne e osso!
E você? Tem alguma teoria sobre a genealogia do dizimador de répteis australiano?
Comentaê!
PS.: Se alguém tiver algum palpite sobre a relevância de um lagarto da língua azul para a humanidade, por favor, compartilhe essa idéia conosco também, ok?
Postar um comentário