10.10.06

Último Grão

Engraçado...já tinha ouvido essa música várias vezes, sem nunca ter dado muita importância. Ontem, no entanto, vi a Isabella Taviani cantá-la no Programa do Jô. Prestei mais atenção na letra e gostei bastante da interpretação. Mas não sabia o título...
Hoje, buscando na rede, descobri que a canção se chama "Último Grão". E fez ainda mais sentido pra mim, que um dia já havia usado a mesma metáfora para descrever essa mesma situação...
Aí vai a letra:
Não demora agora
Há tanto pra gente conversar
Eu desejo e vejo, a rua você atravessar
E os seus passos largos já não me incomodam
Não te acompanho mais, caminho do meu modo
Seus olhos turvos e poucos sinceros
Não me atormentam quanto mais eu enxergo
Eu e você, podia ser
Mas o vento mudou a direção
Eu e você e esta canção
Pra dizer adeus ao nosso coração
Tá na minha frente
Não se perturbe verdade é pra falar
Sei que vai doer um pouco
Mas ainda há tanto pra lembrar
O seu sorriso lindo, indefinido
Suas mãos tão quentes atravessando o meu vestido
Palavras que falávamos simultaneamente
No meu ouvido o seu discurso indecente
Às vezes o amor
Escorre como areia entre os dedos
Não tem explicação para tantos erros
É melhor partir
Antes do último grão cair
Composição: Isabella Taviani
Postar um comentário