3.10.06

Projeto? Hein? Cuma???

Ao longo do dia de ontem, depois de escrever o post que tá aqui, logo antes desse, fiquei pensando no que tinha dito/escrito. A linha de raciocínio era a seguinte: se a Constituição garante o direito de qualquer brasileiro postular um cargo no legislativo ou no executivo; eu estava sendo preconceituoso ao criticar a eleição de figuras como Clodovil e Frank Aguiar. Pensei: se são brasileiros, podem tentar. E, tentando, podem conseguir.
Pensei além: talvez o alto número de votos recebidos por esses e por outros candidatos, que o UOL chamou de bizarros, denotasse algum tipo de protesto da sociedade.
Quando eu já estava quase me convencendo, veio a matéria do Jornal Nacional, que eu assisti no Jornal das 10, da Globonews. O repórter fala dos candidatos exóticos e - claro - cita Clodovil Hernandez. E a pergunta inevitável é feita:
- Quais os projetos que o senhor pretende levar para a Câmara?
Clodovil, ar de deboche, diz:
- Querido...não sei! Não sei nem se se faz política nesse país...
E olha que ele nem olhou para a lente da verdade antes de dizer isso, hein!
Na hora, eu ri. Mas a graça durou pouco! Logo em seguida voltei a pensar exatamente a mesma coisa que tinha escrito no post aqui de baixo...
Postar um comentário