23.10.06

Rápida olhada nos jornais...

Lendo uma notícia como essa não há como não lembrar do dito popular. Para alguns, logo vem à mente o cabível "bem feito". Mas é só parar pra pensar um pouquinho que a gente logo sente vergonha. Vergonha de viver numa cidade tão linda e tão abandonada, capital de um estado tão entregue à própria sorte. Tão violento, maltratando tanto seu povo.
Hoje são os ladrões roubados por colegas de ofício. Mas não só. Também há o caso da juíza, que teve seu lar assaltado no Flamengo. Há o bandido, morto ao anunciar assalto a van na Ponte. Tem o policial, baleado na Barra. Os ladrões que roubaram um caixa eletrônico num mercado, em Madureira. Sem falar na menina, atingida por um tiro dentro de casa, em Itaguaí.
Lamentável. Triste demais. Péssimo começar a semana lendo coisas desse tipo e, pior, saber que, infelizmente, tantos crimes já são encarados com naturalidade. Acontecem com tamanha (assustadora) freqüência que acabam banalizados.
Sou cidadão, sou um cara de bem - e do bem - e não acho isso natural. Não é essa a cidade que quero pra mim, nem pra minha família. Nem pros meus filhos que virão um dia.
Parece, muitas vezes, que só o Cristo Redentor olha por nós...não menosprezo a ajuda Divina; longe disso. Mas tem muita gente que devia estar fazendo isso aqui embaixo, não? E que ganha bem para tanto.
Cadê esse povo nessas horas, meu Deus?
Postar um comentário