11.2.09

Désolé, Hanrriete!

Entrei no meu scrapbook do Orkut agorinha e me deparei com a seguinte mensagem, enviada pelo perfil de um amigo que deve ter sido contaminado por alguma daquelas insuportáveis pragas digitais...

Como assim, Hanrriete? Um vírus que ME CHAMA DE HANRRIETE é algo realmente imperdoável! Na mágoa, quase deletei meu amigo do perfil. Mas deletei Hanrriete. Sim, optei por apenas apagar esse recado infame, que acabou me rendendo um apelido digno de traveca supostamente parisiense do Bois de Bologne...
Postar um comentário