15.7.10

Da série: "a luz no fim do túnel é um trem vindo pra cá..." 46

Depois de mais de 30 cirurgias, modelo
corre risco de morte
Não é novidade pra ninguém que a gente vive uma época em que a busca pela beleza perfeita parece cada vez mais exacerbada. Mas não deixa de ser perturbadora a notícia de que a modelo brasileira que pretendia bater o recorde mundial no quesito "maiores seios do mundo" está internada e corre risco de morte.
Cada um sabe o que faz da sua vida, não me interessa julgar a motivação dessa moça. Mas que essa história revela o quanto a nossa sociedade anda pirada, isso revela! Basta analisar qual o "mérito" que uma pessoa teria por ter a maior peitaria do país, do planeta ou do universo? Em que isso engrandeceria a sua existência - além de números e números a mais na hora de comprar a lingerie???
Pra aparecer tá valendo tudo! Até arriscar a própria vida. É claro que há aí uma obsessão pelas cirurgias, que a própria moça admite estar tratando. Mas, mais que a saúde dessa mulher, creio que seja necessária que a própria sociedade se reavalie. Continuar valorizando "marcas" como essa é dizer pra jovens que esse é um caminho interessante, que pode levar ao reconhecimento, ao "sucesso". E se essas são buscas tão constantes atualmente, vai ser difícil impedir que mais e mais pessoas se mutilem dessa forma para satisfazer seus caprichos e as ilusões de uma vida de fama e glamour.
É ou não é hora de rever os valores dessa sociedade louca?
Postar um comentário