27.4.09

Sim, eu fui a (mais) um show de Ivete Sangalo...

Carregada pelos bailarinos, a cantora baiana evoca os encantos do mundo árabe no início de seu novo espetáculo...
Sábado, 25 de abril de 2009.

Casa de show lotada, público ansioso pela primeira apresentação de Ivete Sangalo no Rio em alguns anos. Adepta do circuito das micaretas, a baiana promoveu um longo hiato na agenda de shows convencionais na Cidade Maravilhosa. E, quando as cortinas se abrem, o início do espetáculo já dá mostras de que Ivete preparou uma noite memorável para os fãs. Logo em Cadê Dalila?, a primeira música da apresentação, o contagiante clima árabe toma conta do palco e da plateia, com os números de pirofagia e a entrada triunfal de Ivete, numa liteira carregada por dançarinos.
No roteiro, todos os sucessos colecionados pela diva baiana se somam a alguns hits de outros intérpretes, como Burguesinha (Seu Jorge), Não é proibido (Marisa Monte) e Aonde você mora? (Cidade Negra). Sem falar na divertida citação a Rehab, da controversa Amy Winehouse...
A Banda do Bem segue com seu suingue inquestionável, executando sempre com arranjos envolventes cada uma das músicas que levaram a baiana ao pico das paradas de sucesso.
Não faltou energia na apresentação. Tanto que tirar uma foto decente foi tarefa difícil...

Igualmente inquestionável é o carisma da cantora, que brinca e conversa com a plateia em diversos momentos da apresentação. Imita Gretchen - breve aqui no blog, em vídeo exclusivo - e relembra o inglês macarrônico que empregava, ainda quando criança, na hora de entoar sucessos internacionais.
No meio do show, fã jogou um par de sapatinhos de bebê para Ivete...

Alimentado pelo incessante bombardeio de notícias sobre a gravidez da cantora, antes mesmo do show o público já clamava por "Mamãe! Mamãe!". E no meio do show, Ivete ganhou um par de sapatinhos de menina. Emocionada, agradeceu. E seguiu sem comentar o assunto! Uma prova de que o tom fanfarrão que a artista adota nos palcos tem limites quando o assunto é preservar um momento tão especial - e, sim, íntimo.
Das novidades no repertório, além de Cadê Dalila?, também vale ressaltar Agora eu já sei, balada que tem tudo para explodir nas rádios. As duas faixas integram o projeto Pode Entrar, que a baiana lança em junho. Cantada de cabo a rabo pelos fãs de Ivete, a canção já evidencia que o novo projeto da artista tem tudo para ser bem sucedido. Mais uma vez...
PS.: Desculpem pelo atraso, mas nos últimos dias - como vocês sabem - tive sérios problemas de conexão...
Postar um comentário