29.7.07

Mundo-cão...

Robinho e Kiki: dois anjos, se comparados ao que devem aprontar Osama & Bin Laden...

Entro no táxi e a conversa gira em torno de animais. Cães, para ser mais preciso. Minha mãe e eu falamos das agruras de se ter um casal de poodles em casa - êta cachorrinhos temperamentais! O taxista, até então calado, resolve se manifestar:
- Tenho quatro cães da raça Pincher. A mais velha tem 10 anos. Chama-se Inara, por causa de um pagode antigo.
O pagode, pra quem quiser saber, é do extinto grupo Katinguelê. A letra (um primor do gênero)está aqui. Bem, voltamos ao táxi...
- Outros dois - seguiu o taxista - são mais jovens. Nasceram em 2001. No dia 11 de setembro.
Confesso que já comecei a rir, imaginando o que estava por vir...
- A fêmea se chama Osama. O macho, Bin Laden...
A risadaria tomou conta do carro. E o taxista, achando-se um mestre do trocadilho por ter dado ao nome do homem mais procurado do mundo um quê de nome de dupla sertaneja (canina), revelou:
- A mais novinha, filha de Osama Bin Laden - sim, ele diz assim, sem separar o nome dos cães, como se a pobre pincher fosse filha do terrorista - chama-se Coragem. Afinal - prosseguiu, explicando a piada - Osama Bin Laden teve coragem, né?
Diante dos nomes dos cães do taxista, comecei a achar normais as artes dos cachorrinhos aqui de casa. Afinal, melhor ter Kiki e Robinho aprontando todas - e mais algumas - do que ser forçado a conviver com Osama Bin Laden sob o mesmo teto. Ao contrário deles - os cães do dono do táxi - não sei se teria Coragem...
Sem contar que latido de pincher é irritante pra caramba!!!
Postar um comentário