2.7.07

Em prol da paz?

Paro o carro num sinal de trânsito e um sujeito, todo de branco, se aproxima da minha janela. Como estava a caminho da Barra da Tijuca, logo imaginei se tratar de mais um entregador de prospectos de empreendimentos imobiliários (já reparou como há entregadores de prospectos de imóveis no caminho até a Barra???). Eis que o cara se apresenta. E me surpreende:
- Oi, amigo! Nós estamos com um projeto em prol da paz. Queria saber se você não teria um real para colaborar...
Meio atônito, vi quando o meu "amigo" levantou algo como um adesivo muito do vagabundinho com um daqueles chavões de sempre pregando a beleza da vida em paz. Fala sério! A paz mundial é um dos maiores desejos universais, todos a querem, todos sentem falta dela. Agora, um marmanjo, todo fantasiado de branco, vir me pedir grana num sinal de trânsito em nome de um projeto vago...! Não dá! Não dava pra dar! E não dei!
Olhei pro cara e disse:
- Não tenho não! Boa sorte!
- Que Jesus te proteja mesmo assim! - ele disse, usando o mesmo como uma entonação que me fez sentir que, na verdade, ele queria dizer que Jesus não devia me proteger p***a nenhuma!
Segui meu caminho em paz. E lamentando a existência de tanto "pseudo-malandro" por esse mundo...
Postar um comentário