14.5.06

Sobre "O caçador de pipas"...

Estou lendo essa bela obra de estréia do Khaled Hosseini. Comprei dois livros de cara: um para uma amiga que fazia aniversário, e outro pra mim. E acabei me dando um excelente presente! Há muito tempo que não lia algo tão sensível, tão bonito mesmo, sobre as relações humanas...
Lembro de, na infância, ter lido um livro chamado "O veleiro de cristal" (Jose Mauro De Vasconcelos), pra um trabalho da escola. É a história de um menino com deficiências, que faz da fantasia uma grande aliada para superar todas as dificuldades de seu cotidiano. Quando li, creio que não tinha nem 10 anos. Mas carreguei aquelas impressões aqui dentro por muito tempo - e, ainda hoje, percebo que as trago comigo.
Agora, lendo as aventuras de Amir e Hassan, sinto que encontrei um livro que retrata esse mesmo universo de sentimentos: amizade, devoção, lealdade. E me senti de novo embarcando no velho veleiro da minha infância. Uma viagem cheia de saudade de um tempo bom demais!
Recomendo os dois livros. Sendo que "O veleiro de cristal" é infanto-juvenil, pra quem tem filhos, primos, afilhados e irmãos pequenos. Ou para os que acham que sentimento não tem idade...
Postar um comentário