8.6.10

Da série: "a luz no fim do túnel é um trem vindo pra cá..." 44

Quando a gente acha que não tem mais espaço na TV para leilões de joias, tapetes, gado e - especialmente - programas religiosos, vem uma notícia como essa. Se você ficou com preguiça de clicar no link, resumo: o pastor Silas Malafaia está tentando arrecadar R$ 1 bilhão para montar...um canal de TV!!! De acordo com a reportagem de Ricardo Feltrin, do UOL, "o objetivo (...) é colocar no ar um canal com programação religiosa em 137 países. O dinheiro seria usado para gerar conteúdo e legendá-lo em várias línguas."
A campanha de arrecadação tem um nome curioso: "Clube de 1 Milhão de Almas". Esse clube funciona da seguinte forma: quem quiser ingressar no grupo deve doar R$ 1 mil à vista ou em (suaves?) prestações. Os "sócios" do clube ganham mimos depois de efetuarem a doação: "o livro "1001 Chaves de Sabedoria", de Mike Murdoch, e um lindo certificado do clube", diz o site do clube.
Eu sei que essa é mais uma das séries de posts de humor do blog mas, honestamente, não consigo fazer graça em cima de um assunto como esse. Primeiro, porque, obviamente, respeito a liberdade de cultos religiosos, a pluralidade de crenças e o direito de cada cidadão escolher a sua religião, a sua forma de expressar sua fé. Mas, além de tudo isso, também acho muito sério e preocupante que a sociedade acompanhe movimentos como esse de forma silenciosa. O uso político e religioso de concessões públicas, como são as emissoras de TV, deve ser observado com cautela - e bem de perto. Não dá pra ser tratado como um "clubinho" qualquer, ou como uma espécie de "ação entre amigos".
E você, o que acha dessa história?
Comentaê!!!
Postar um comentário