28.5.10

Minha Copa inesquecível...

Recebi um convite bacana do Centro Cultural da TV Brasil. Aproveitando a onda em torno da Copa do Mundo, o espaço fará uma exposição com relatos dos apresentadores da emissora sobre a mais disputada competição do futebol. A ideia é que cada um fale de sua Copa inesquecível.
E lá fui eu lembrar da minha. Segue o texto...

A Copa que mais me marcou foi a de 1994. Foi a primeira que acompanhei com afinco, e com a plena consciência de como o futebol é um traço importante da identidade cultural brasileira. Eu tinha 14 anos e até então, como toda uma geração, não tinha tido a oportunidade de ver a Seleção Brasileira levantar a taça.
Lembro de ter visto todos os jogos e de vibrar com as peripércias da dupla Romário e Bebeto. De reclamar do futebol de resultados do Parreira. Mas, é claro, a disputa que ficou mais presente em minha memória foi a final, na qual encaramos a Itália. Depois de 24 anos sem ganhar uma Copa do Mundo, o Brasil tinha uma chance de ouro enfrentando uma das suas maiores rivais na história das Copas. O jogo contra a Esquadra Azurra foi eletrizante e serviu para testar corações de todas as idades! Disputamos o título nos pênaltis - fato até então inédito em finais do Mundial - e a torcida brasileira pode soltar o grito de "é campeão!" quando o italiano Roberto Baggio desperdiçou seu chute sem sequer assustar nosso goleiro Taffarel.
Eu, ainda moleque, via minha seleção levantar a taça. E, mesmo sem nunca ter tido esse prazer antes, já começava minha história de torcedor com um pomposo título de tetracampeão. Um belo começo, não?

Quando tiver mais informações sobre a exposição, conto aqui.
E você? Também tem uma Copa inesquecível?
Comentaê!!!
Postar um comentário