26.4.07

O Maraca é todo dela...

Ivete Sangalo interpreta "Abalou" na abertura triunfal de seu show no Maracanã. DVD chega às lojas nesse final de semana

Logo depois de assistir ao mega-show de Ivete Sangalo no Maracanã, em dezembro do ano passado, eu fiz um post aqui. Lembro de ter elogiado a qualidade da produção, o entusiasmo e a alegria da cantora. Mas também lembro de ter criticado o repertório - um tanto desgastado pela massificação de músicas como "Festa" e "Sorte Grande".

Quatro meses depois, o Multishow exibiu no dia 24 o especial com partes do show. E percebi que não fui tão injusto ao implicar com o repertório. Soa repetitivo demais ver Ivete Sangalo interpretar "Flor do Reggae", música que colou nos ouvidos do público como chiclete, tamanho o sucesso alcançado pelo "MTV Ao vivo" da artista. Na versão compacta do show, os momentos de maior oxigenação acontecem exatamente quando Ivete interpreta novas canções. O espetáculo ganha força em momentos como "Não precisa mudar", num dueto bem simpático com Saulo, vocalista da Banda Eva; "Ilumina" - que, a meu ver, tem tudo pra repetir o sucesso de "Flor do Reggae" e a festiva "A Galera", já registrada em estúdio no cd "Supernovas", de 2005.

O momento das baladas é bem bacana: "Quando a chuva passar" ganhou um coro de mais de 55.000 vozes e - para desespero de alguns, uma introdução cheia de trovoadas e relâmpagos. "Se eu não te amasse tanto assim" foi costurada à clássica "Eu sei que vou te amar" numa espécie de medley que, acredito, rende o momento mais bonito do show. Emocionada em cima de uma plataforma que avança sobre o público, Ivete chora, diz que está muito feliz e com a voz embargada, passa a bola pra platéia cantar. Golaço do time formado pela baiana e seus fãs de todo o país que lotaram o templo do futebol.

Por fim, reafirmo minha posição: o repertório precisa ser revisto. Não gostei mais do especial porque achei que momentos bacanas do show foram cortados, como a interpretação de "Sá Marina" e o explosivo medley que reuniu "Chorando se foi" e "Preta" - o melhor momento da Banda do Bem em toda a apresentação. Mas é, sem dúvida, um grande show. É, sem dúvida, uma grande artista. E é, sem dúvida, uma bela homenagem do público à cantora mais popular do país na atualidade.

Aliás, uma curiosidade: a exibição do especial "Multishow Ao vivo: Ivete Sangalo no Maracanã" estava programada para o dia 10 desse mês. Depois, foi adiada para o dia 24 para evitar que as imagens, uma vez exibidas, fossem pirateadas e, assim, derrubassem as vendas do DVD. Pois bem. Ontem, dia 25, apenas um dia depois da exibição do programa, camelôs do Centro do Rio já disponibilizavam o Dvd novo da cantora. Ah, se tudo no Brasil funcionasse tão rápido quanto a indústria da pirataria...

Postar um comentário