14.8.06

GABRIEL REIS: o homem que tirou Luana Piovanni do sério

O mais recente fenômeno da internet brasileira é o vídeo em que a atriz Luana Piovanni perde as estribeiras com um paparazzo. Disponibilizadas no YouTube, uma espécie de portal de vídeos, as imagens já foram vistas cerca de 200 mil vezes. Uma marca e tanto para Gabriel Reis, o paparazzo em questão. Aos 28 anos, carioca, formado em jornalismo pela Universidade Gama Filho, e torcedor - fanático - do Flamengo, Gabriel é, há três anos e meio, o “Poparazzo”, o paparazzo oficial do “Superpop”, programa comandado por Luciana Gimenez na Rede TV!. E nessa entrevista exclusiva ao Babelturbo, via MSN,, o poparazzo também adiantou se vai ou não atacar no casamento da patroa...
As cenas do flagrante de Luana Piovanni caminhando – que terminam com um tapa na câmera - foram gravadas no início de julho. Mas só no começo de agosto elas se tornaram o mais novo hit da internet, com cerca de 200 mil acessos. E o sucesso repentino surpreendeu até mesmo o autor das imagens: “É muita gente! Eu na TV consigo atingir este público, e até mais, mas na internet é muito bacana, porque é um novo público! Mas muita gente manda comentário criticando e defendendo o artista. São fãs e pessoas contra este jornalismo.”
Depois de colocar o vídeo na internet, Gabriel – com a câmera em punho - já se encontrou novamente com a atriz.. Desculpou-se e ganhou um sorriso debochado da estrela. “Ela sabe que deu repercussão. Não vai querer repetir o que fez. Sabe que errou.”, Para ele, o jornalismo de celebridades tem uma atuação branda aqui no Brasil: “Lá fora o pessoal publica até eles se drogando! E é capa!”, compara. E quando o assunto é a ética no trabalho de um paparazzi, Gabriel é taxativo: “Não existe limite!. É tudo pela audiência! Escolher fazer jornalismo é escolher esse tipo de coisas. Imprensa de celebridades não tem ética, você já começa falando da vida alheia!
E será que a vida da patroa, Luciana Gimenez, também vai ser alvo das lentes do poparazzo? Afinal, ela se casa no próximo dia 19 com o vice-presidente da Rede TV!, Marcelo de Carvalho. Quando o assunto é esse, Gabriel desconversa: “Não sei se vou. Ainda não recebi o convite. Mas tudo bem, sou um mero mortal! Acho difícil ela lembrar de mim...
INTERNET: o fim da privacidade das estrelas?
O poparazzo diz que seu trabalho não tem rotina: “Imagine centenas de famosos e várias possibilidades. Informações que chegam o tempo todo. É cada dia diferente do outro.” Gabriel conta que as fontes são as mais variadas. Até vendedores de shoppings da Zona Sul, telespectadores do “Superpop”, acabam se comprometendo em repassar notícias sobre o cotidiano das estrelas ao cinegrafista. Mas nem sempre o furo rende: “Tem artistas que passam por nós e nem fazemos mais. É o caso do Chico Buarque caminhando, da Letícia Birkheuer na praia e etc. É comum clica-los por lá”, revela.
Em alguns vídeos, que o próprio Gabriel disponibiliza em seu videolog, artistas como Giovanna Antonelli aparecem às boas com o rapaz. Mas essa é uma exceção. E também não é o que mais agrada ao público: “Comigo os artistas ou são uns amores ou são um nojo. E às vezes o nojo vende mais do que o amor”.
Gabriel, que também já esteve envolvido numa polêmica com um ex-namorado de Luana Piovanni, o ator Paulinho Vilhena, nunca foi processado por um artista. E acredita que, com o crescimento do site YouTube, as celebridades estarão cada vez mais expostas. E até certos limites, impostos por uma espécie de acordo tácito dos profissionais e veículos que cobrem o dia-a-dia dos famosos, poderão ser superados. Segundo ele, um desses limites seria o de tornar públicas imagens de atores “em seus momentos de love gay”. E termina o papo com um aviso: “Isso também deve cair com este crescimento do YouTube. Se eu fosse ator e estivesse no erro, estaria muito preocupado ao andar na rua...”

Será? É esperar pra ver. E você, o que acha do trabalho dos paparazzi? Se tivesse oportunidade, você flagraria um artista e disponibilizaria o flagra na internet? O que pensa sobre isso? Clica aqui embaixo e bora abrir uma discussão sobre o tema!
Postar um comentário