2.12.10

Sociedade dá ideia, Prefeitura abraça e Rio ganha asfalto de primeira...

Num país com tantas necessidades e urgências como o Brasil, é mais do que compreensível que estejamos habituados a reclamar dos serviços públicos que não funcionam como deveriam. É um direito do cidadão clamar para que seus impostos sejam revertidos em ações efetivas do Estado nas áreas de interesse coletivo.
Mas acho que é bom também reconhecermos quando o poder público cumpre o seu papel. E é isso que senti vontade de fazer aqui desde que a Prefeitura do Rio lançou a Operação Asfalto Liso. Esperei pra ver se, mais uma vez, as obras ficariam restritas ao Centro e à Zona Sul. Mas, felizmente, tem sido diferente dessa vez...
Lembro que o nome Asfalto Liso surgiu entre os críticos da Operação Lei Seca. Foi uma espécia de reação da sociedade civil ao rigor do Estado no combate à combinação álcool e direção. Os criadores da Asfalto Liso não se colocaram contra a Lei Seca, mas exigiam que o poder público adotasse postura igualmente rigorosa no trato com as vias da cidade.
Sabiamente, a prefeitura tomou partido da história. Tomou pra si o nome e lançou um grande projeto de recuperação do asfalto de ruas e avenidas. Em toda a cidade! Se você é do Rio, sabe bem do que estou falando! O asfalto carioca - historicamente esburacado - virou um tapete! Por onde passam as máquinas da Asfalto Liso fica a certeza de uma rua perfeitamente coberta, num padrão que não deixa nada a desejar ao internacional. E, vale frisar: dessa vez as obras não se restringem aos locais de grande visibilidade na cidade. Todo o Rio de Janeiro está sendo recapeado, numa iniciativa que, ao que me conste, não tem precedentes nas últimas décadas.
Uma bela ideia surgida na cabeça de cidadãos, abraçada pelo poder público e que tem beneficiado toda a cidade.
PS.: Sim, eu sei que a Operação Asfalto Liso gera imensos engarrafamentos. Mas, vocês sabem, depois da tempestade...
Postar um comentário